Botox capilar: o tratamento do momento

Reportagem: Daniella De Caprio - Edição: MdeMulher
Botox capilar: o tratamento do momento

A escova de Botox alisa de verdade sem formol! E o Botox capilar é um tratamento mais eficiente que a cauterização
Foto: Dreamstime

Uma pesquisa realizada por uma marca de cosméticos com dermatologistas constatou: 8 em cada 10 mulheres que frequentam clínicas de estética no Brasil fazem Botox facial. Dado esse sucesso, a indústria da beleza inventou o Botox capilar, que trata fios danificados, e a novíssima escova de Botox. Ambos prometem tornar o cabelo que está um lixo em um luxo! A escova alisa, e o tratamento dá brilho e balanço aos fios. As cabeleireiras Jô Nascimento (SP) e Claudia Maria (RJ) explicam tudo para você!

Tratamento com Botox capilar

Botox capilar: o tratamento do momento

O Botox preenche as rugas do fio
Foto: Divulgação

O que é o Botox capilar?
É um reconstrutor poderoso da fibra do cabelo. Ele preenche as rugas do fio.

É indicado para qual tipo de cabelo?
Para qualquer tipo de fio, ainda mais para aqueles com a estrutura comprometida e que, em alguns casos, só a tesoura resolveria.

O que ele faz?
Sem contraindicações, ele age só onde o cabelo mais precisa de reparo. Em geral, a raiz é mais grossa do que as pontas, e o Botox capilar deixa as duas com a mesma espessura. Assim, a técnica elimina as pontas duplas, os arrepiados e o volume do cabelo. O resultado visual é um cabelo liso, sedoso, cheio de brilho e balanço.

Precisa de manutenção?
Sim, no mínimo, a cada três meses. O retoque pode ser feito apenas na raiz.

Quanto custa?
O tratamento custa a partir de R$ 90*. Já a escova, a partir de R$ 150*.

Botox facial é diferente do capilar!

O Botox usado pelos cabeleireiros não é o mesmo que se aplica no rosto. No consultório médico, os dermatologistas trabalham com toxina botulínica nas rugas de expressão, "paralisando-as". Isso impede que a pele se contraia e forme novas rugas. E mais: o Botox facial é caro (custa, em média, R$ 1 mil por aplicação), dura até quatro meses e exige novas aplicações.

Para usar no salão

Ainda não existe uma linha de Botox capilar para uso doméstico. Como a aplicação pode ser perigosa se você não souber manusear corretamente o produto, use-o apenas no salão. As duas marcas que já fabricam os produtos são: L'Oréal e Ybera. Peça ao seu cabeleireiro!

*Preços pesquisados em janeiro/2012

Vote nas finalistas do 21º Prêmio CLAUDIA

Trabalho Social

  • Marineide Silva
    Marineide Silva

    Criou uma ONG para ensinar corrida para mais de 500 crianças e adultos no bairro mais violento de São Paulo

  • Brigitte Louchez
    Brigitte Louchez

    Está à frente de uma ONG que luta para combater a exploração sexual de crianças e jovens em Fortaleza, no Ceará

  • Mônica Azzariti
    Mônica Azzariti

    A fonoaudióloga prepara policiais para que resolvam ocorrências nas favelas sem violência, evitando conflitos

Políticas Públicas

  • Heloísa Helena de Oliveira
    Heloísa Helena de Oliveira

    Monitora e argumenta com políticos para alterar projetos de lei que não favorecem os jovens do Brasil 

  • Maria Clara de Sena
    Maria Clara de Sena

    Única transexual no mundo no cargo de Mecanismo de Prevenção e Combate à Tortura, luta pelos direitos LGBTs 

  • Paula Johns
    Paula Johns

    Fundadora da Aliança de Controle do Tabagismo + Saúde, batalha para controlar o tabagismo  

Ciências

  • Adriana Melo
    Adriana Melo

    Especialista em medicina fetal comprovou a relação entre infecções por zika em e as malformações em bebês

  • Eliana Abdelhay
    Eliana Abdelhay

    Desenvolve pesquisas a fim de melhorar os prognósticos de doenças graves e agiliza o diagnóstico de câncer

  • Thelma Krug
    Thelma Krug

    Restringe o desmatamento nas florestas e emissão de poluentes, responsáveis pelas mudanças climáticas

Cultura

  • Anna Muylaert
    Anna Muylaert

    Diretora do filme Que Horas Ela Volta?, aqueceu a discussão sobre a exploração do trabalho doméstico no Brasil

  • Mari Corrêa
    Mari Corrêa

    Realiza oficinas de cinema em aldeias do Xingu e ensina os índios a registrar sua cultura, história e hábitos

  • Panmela Castro
    Panmela Castro

    Imprime sua arte em murais e performances e oferece oficinas para prevenir a violência contra as mulheres 

Revelação

  • Alessandra Orofino
    Alessandra Orofino

    Esta à frente de uma ONG que conecta pessoas interessadas em solucionar problemas no Rio de Janeiro

  • Raquel Helen Santos Silva
    Raquel Helen Santos Silva

    Destaca-se por criar projetos de empoderamento e por conseguir apoio internacional para as causas feministas

  • Samantha Karpe e Letícia Camargo Padilha
    Samantha Karpe e Letícia Camargo Padilha

    Desenvolveram uma cobertura para ruas e estradas mais resistente, econômica e sustentável que a convencional

Consultora NATURA

  • Juthay Nogueira
    Juthay Nogueira

    Promove ações para evitar que os jovens entrem para o tráfico de drogas, em uma comunidade de Belo Horizonte

  • Nilcimar Maria Silvestre dos Santos
    Nilcimar Maria Silvestre dos Santos

    Fundou uma associação que apoia vítimas de agressão doméstica e estimula o empreendedorismo 

  • Rozimere Santos Oliveira Souto
    Rozimere Santos Oliveira Souto

    Líder que organiza a produção agrícola e o empreendedorismo entre as mulheres, no Sertão da Paraíba

Negócios

  • Cristina Junqueira
    Cristina Junqueira

    Criou o Nubank, cartão de crédito que pode ser administrado pelo celular, dispensa o banco e não tem anuidade

  • Mariana Alves Madureira
    Mariana Alves Madureira

    Trabalha para impulsionar o desenvolvimento econômico de lugares pobres estimulando o potencial turístico

  • Carla Renata Sarni
    Carla Renata Sarni

    Criou uma rede de consultórios que oferece tratamento odontológico a um custo acessível na periferia

Curta nossa página no Facebook

Recomendamos para você


As últimas do M